Warning: Use of undefined constant ‘imagem - assumed '‘imagem' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /srv/indicador-economico.2d4f01f4.configr.cloud/www/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52

Warning: Use of undefined constant noticias’ - assumed 'noticias’' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /srv/indicador-economico.2d4f01f4.configr.cloud/www/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52

Warning: A non-numeric value encountered in /srv/indicador-economico.2d4f01f4.configr.cloud/www/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52

Warning: A non-numeric value encountered in /srv/indicador-economico.2d4f01f4.configr.cloud/www/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52

Sindicato e Estado vão incentivar fruticultura em Dourados

Sindicato e Estado vão incentivar fruticultura em Dourados

 

assinatura parceria (2)

Termo de cooperação técnica foi assinado quarta-feira entre o presidente do Sindicato Rural, Lucio Damália, e o diretor-presidente da Agraer, Enelvo Felini. (Foto: Divulgação).

O Sindicato Rural de Dourados e o governo do Estado de Mato Grosso do Sul firmaram uma parceria para aumentar a produtividade e melhorar a qualidade da produção de frutas por agricultores familiares da região. As pesquisas e treinamentos serão feitos em campos experimentais instalados no Parque de Exposições João Humberto Andrade de Carvalho.

O termo de cooperação técnica foi assinado quarta-feira (22) entre o presidente do Sindicato Rural, Lucio Damália, e o diretor-presidente da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), Enelvo Felini.

Através da parceria, a Agraer vai realizar ações nas áreas de pesquisa, assistência técnica e extensão rural entre os agricultores familiares do município de Dourados. A agência vai oferecer atendimento visando a transferência de conhecimentos para aumentar a produtividade da fruticultura e ao mesmo tempo melhorar as condições de vida no meio rural.

Com 215 mil habitantes, Dourados “importa” de outros estados grande parte das frutas e verduras consumidas pela população local. Mas para conquistar esse mercado é preciso capacitar os produtores.

A cooperação técnica não envolve repasse de dinheiro, apenas cessão de pessoal com ônus para a origem, para atender as necessidades de condução dos campos experimentais e transferência de tecnologia.

O Sindicato Rural de Dourados vai disponibilizar área, infraestrutura e equipamentos necessários para desenvolver a pesquisa voltada aos agricultores familiares. Também vai garantir mão de obra necessária para tratos e colheita dos campos experimentais e unidades demonstrativas, além de fornecer técnicos para colaborar com as pesquisas.

Já a Agraer vai implantar os campos experimentais de frutas em conjunto com o sindicato e fazer a capacitação de técnicos e agricultores através de palestras, cursos, dias de campo e reuniões. Também vai disponibilizar mobiliário, equipamentos de informática, veículos e combustível para os trabalhos.

Lucio Damália disse que a parceria é mais uma iniciativa do Sindicato Rural em apoio aos agricultores e população em geral do município de Dourados. “A economia de Dourados está centrada na agropecuária. A fruticultura apresenta alta rentabilidade, mas isso só é possível se os produtores forem capacitados adequadamente. Essa parceria com a Agraer vai permitir essa capacitação”, afirmou.

Em Mato Grosso do Sul, o mercado de hortifrutigranjeiros é abastecido por produtos de outras regiões brasileiras. O convênio firmado em Dourados vai incentivar a produção de frutas na região e permitir que o grande mercado disponível seja conquistado pela produção local.