Presidente Figueiredo, a ‘Terra das Cachoeiras, um dos paraísos do Estado do Amazonas

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

Presidente Figueiredo-cachoeira-Foto-Embratur
Uma das cachoeiras de Presidente Figueiredo. (Foto: Embratur).

Pertinho da capital do Amazonas, Presidente Figueiredo, desponta como um dos principais destinos de ecoturismo e turismo de aventura da região.  Não é a toa que o município, localizado no baixo rio Negro, a 130 km de Manaus, é conhecido como a “Terra das Cachoeiras” pela farta oferta de banhos, selva, grutas, cavernas e, obviamente, de quedas d´água.

Já foram catalogadas mais de 100 cachoeiras de diversos tamanhos e formatos, além de corredeiras. A maioria dos atrativos possibilita a prática de esportes radicais e de aventura como rafting, bóia cross, caiaque, tirolesa, rapel, espeleologia, arvorismo e trilhas na selva. O lago da hidrelétrica de Balbina também tem aproveitamento turístico.

A cidade tem cerca de 33 mil habitantes e boa oferta de hospedagem e restaurantes. Os principais atrativos oferecem infraestrutura completa, entre eles, a Cachoeira do Berro D´Água, o Complexo Turístico Iracema Falls, a Cachoeira dos Pássaros e o Parque do Urubuí. O turismo de aventura é o forte dos atrativos locais. O município já é destino dos manauaras durante o fim de semana e feriados, além dos turistas ávidos por roteiros de selva.

A BR-174, que corta a selva amazônica, é a principal rodovia de acesso, sendo responsável por interligar Presidente Figueiredo à Manaus; Boa Vista, capital de Roraima; e ao município fronteiriço de Santa Elena de Uairén, na Venezuela.

No CAT (Centro de Atendimento ao Turista), localizado na entrada da cidade, o visitante encontra uma exposição de fotos das belezas naturais da região que ajudam na escolha do que ver e fazer em Presidente Figueiredo.

Antes de iniciar qualquer passeio, não se esqueça de contratar um guia e de pegar um mapa com a localização de todas as atrações do município. Entre os roteiros de Presidente Figueiredo dois deles não podem ficar de fora na viagem, a Estrada de Balbina (AM-240) e a BR–174.

 

Presidente-Figueiredo-gruta-Foto-Embratur
Em Presidente Figueiredo também é possível visitar belas grutas. (Foto: Embratur).

Na Estrada de Balbina os principais atrativos são:

– Caverna do Maroaga – Km 07;

– Cachoeira Berro D’ agua – Km 11;

– Reserva Particular do Patrimônio Natural, santuário com tirolesa e trilhas – Km 12;

– Cachoeira da Porteira – Km 13;

– Cachoeira dos Pássaros – Km 13;

– Cachoeira Pedra Furada – Km 57.

 

 

Presidente Figueiredo-cacheira 1-Foto-Embratur
Cachoeiras, caminhadas e trilhas na floresta encantam os turistas. (Foto Embratur).

Na BR–174 os principais atrativos são:

– Reserva Particular do Patrimônio Natural da Onça – Km 108;

– Fazenda Santa Marta – Km 110;

– Igarapé do Lajes – Km 113;

– Complexo Turístico Iracema Falls – Km 115;

– Comunidade Boa Esperança – KM 120, com corredeira, Lagoa Azul, cachoeiras, caminhada e trilhas na floresta.

 

 

BELEZA AMAZÔNICA

Nos dois roteiros o visitante vai deparar com imponentes paredões de pedra, solo com raízes e folhagens típicas da floresta úmida e águas correntes de cor âmbar. O cenário distingue as cachoeiras e grutas de Presidente Figueiredo de atrativos similares localizados em outras regiões do país. O ambiente de selva é único. A beleza e o encanto vêm do aspecto selvagem e da sensação de isolamento proporcionada pelo ambiente natural da Amazônia. Os atrativos, encravados nas rochas milenares estão cercados pelo verde intenso da floresta. O visitante tem a sensação de estar perdido em um oásis no meio da maior floresta tropical do mundo.

 

Curiosidade –  O nome do município é uma homenageia a João Batista de Figueiredo Tenreiro Aranha, primeiro presidente (antigo governador imperial) da província do Amazonas. O então presidente da República, João Batista de Oliveira Figueiredo, teria rejeitado a homenagem quando o município foi criado em 10 de dezembro de 1981. A instalação efetivou-se com as eleições gerais de 1982 e posse do prefeito e vereadores em 1983. (Geraldo Gurgel, do MTur – matéria editada).