Gasto de turista estrangeiro no Brasil cresce 10% e chega a US$ 434 milhões

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

praias-foto-mtur
Praias do nordeste são destinos muito procurados por estrangeiros. (Foto: MTur).

Os gastos dos estrangeiros no Brasil cresceram pelo quinto mês consecutivo. Em maio, a receita cambial foi de US$ 434 milhões – 4,08% a mais se comparado ao mesmo período de 2015.  As informações são do Ministério do Turismo com base em dados divulgados pelo Banco Central nesta sexta-feira (24).

A soma do acumulado do ano também é positiva. Os estrangeiros gastaram US$ 2,75 bilhões, 10,24% a mais que no mesmo período de 2015, quando a receita foi de US$ 2,50 bilhões.

Para o ministro interino do Turismo, Alberto Alves, os dados reforçam o quanto o turismo tem potencial para aquecer a economia do país. “A proximidade dos Jogos Olímpicos e a consequente superexposição do país vai atrair a chegada dos estrangeiros no país o que, certamente, contribuirá para superar ainda mais o aumento da receita”, comentou.

A despesa do brasileiro no exterior continua registrando queda. Foram gastos US$ 1,113 bilhão em maio deste ano contra US$ 1,414 bilhão no mesmo mês de 2015. Já no acumulado do ano, de janeiro a maio de 2016, a despesa cambial foi de US$ 5,16 bilhões –  percentual de 37,76% inferior ao mesmo período de 2015, quando a despesa foi de US$ 8,29 bilhões.