Busca de turistas por Bonito cresce 6% no 1º trimestre deste ano

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

bonito

O primeiro trimestre deste ano foi positivo para o turismo de Bonito, de acordo com o último relatório do Observatório de Turismo e Eventos de Bonito (OTEB). O número de turistas que frequentaram os atrativos da cidade cresceu 6% comparado com o mesmo período em 2018 – saltou de 56.790 para 60.148 visitantes. Esse percentual está acima da média anual de crescimento dos principais destinos do mundo, que gira entre 3% a 4%.

Na média, a principal cidade do turismo ecológico no Estado teve umna média de 668 visitantes por dia até aqui neste ano. Ou seja, a cada três horas, um turista novo chegou a Bonito neste ano.

Para o presidente do Conselho Estadual de Turismo de Mato Grosso do Sul e da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira (ABIH/MS), Marcelo Mesquita, Bonito já é um dos principais destinos para quem busca o ecoturismo, despertando inclusive o interesse das operadoras internacionais.

Ele comenta que durante o 1º Adventure NEXT Latin America, realizada em novembro do ano passado no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, os participantes destacaram a qualidade dos destinos do ecoturismo do Estado, entre eles Bonito, além da infraestrutura.

Mesquita enfatiza que os investimentos em infraestrutura e na oferta de opções para o público do ecoturismo só é possível em um cenário cujo setor está se fortalecendo, com a atração cada vez maior de turistas. O Adventure NEXT, por exemplo, reuniu mais de 400 profissionais da área, entre empresários e jornalistas, segundo ele. “Hoje temos atividades diurno e noturno”, comentou.

Comparando os dados de março de 2018 com o mesmo período deste ano, o aumento foi de 12% – de 16.250 para 18.353 turistas.

A taxa de ocupação dos hotéis da cidade foi de 45% em março do ano passado e 51% neste ano.

Segundo o levantamento do OTEB, o local mais procurado pelos turistas são os balneários de águas transparentes (16.006 visitantes no mês passado), seguido de flutuações, com 13.961 e o passeio nas grutas (12.850 pessoas), principalmente a Gruta do Lago Azul.