Crescer para investir mais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

posse-hermes-gov-fptp-dênes-de-azevedo (55)
Bertoldo entrega o martelo para Hermes Rodrigues, o novo governador do Distrito 4470 do Rotary. (Fotos: Dênes de Azevedo).

Dênes de Azevedo

 

Crescer para prestar mais serviços à humanidade. Este foi o tema do discurso de posse de Hermes Araújo Rodrigues, de 48 anos, como governador do Distrito 4470 do Rotary International, na noite deste sábado, dia 02, em Dourados, no auditório da unidade II da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados). Rotarianos de várias cidades que fazem parte do distrito participaram.

“Que o Rotary e os rotarianos continuem prestando grandes serviços à humanidade e nas comunidades ondem vivem”, disse. Para isto, Hermes tem a meta de fazer o quadro social do distrito bater a marca dos dois mil rotarianos. Hoje são 1.900 em 73 clubes espalhados por 42 cidades de Mato Grosso do Sul e noroeste de São Paulo, incluindo três clubes mistos instalados nas cidades de Ponta Porã, no Brasil, e Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

Para garantir mais recursos da Fundação Rotária para projetos sociais e de desenvolvimento humano nas comunidades Hermes pretende elevar as contribuições. A meta é ousada: R$ 300 mil dólares. “É utopia, talvez seja, mas devemos lembrar que esse valor volta depois em projetos beneficiando as nossas comunidades carentes”, explica.

Para que o Rotary cresça é preciso torna-lo mais conhecido, segundo o novo governador. “Precisamos que o Rotary seja reconhecido pelos seus serviços prestados”, disse. Para ele, muita gente ainda não sabe o que é o Rotary e, conhecendo-o, nasce o desejo de participar e, assim, os clubes vão crescer. “Nossa missão é continuar pregando a paz e estimulando o servir”, ressaltou, destacando o lema do Rotary da Gestão 2016/2017: “Rotary a Serviço da Humanidade”.

Ainda no discurso de posse Hermes destacou a importância de Dourados ter novamente um governador do distrito, devido a sua grande representatividade, com seis clubes e mais de 150 rotarianos. “Mostra também o quanto os rotarianos de Dourados estão organizados”, disse.

Hermes assumiu o distrito em substituição a Manoel Bertoldo Neto, que também é de Mato Grosso do Sul, da cidade de Paranaíba. A esposa de Hermes, a empresária Norma Luci Rodrigues, assume a função de coordenadora distrital das Casas da Amizade (embaixatriz) em lugar da esposa de Manoel, Adélia Ferreira.

Para o governador que deixa a função, Manoel Bertoldo Neto, o ano rotário foi excelente. “Só não foi melhor porque o ambiente externo [crise econômica no Brasil] não deixou”, disse. Ele agradeceu a toda a sua diretoria e os rotarianos do distrito que ajudaram a fazer a boa gestão.

 

DESAFIO

Para Norma a função é mais um desafio em sua vida, já que terá de conciliar com o trabalho e a família. “Com muito boa vontade assumo essa função; ao final tenho certeza de que valerá muito a pena”, disse.

Norma convidou as mulheres do distrito a redobrar os seus trabalhos nas ações de Rotary. “As demandas sociais são cada vez maiores, mas o trabalho comunitário é uma dádiva”, afirma. “É a oportunidade de partilhar o melhor de nós, que é o amor, e desenvolver o fortalecimento da amizade”, ressaltou.

 

HOMENAGENS

Na solenidade duas pessoas foram homenageadas. O primeiro foi o prefeito de Dourados, Murilo Zauith, que recebeu o titulo de ‘Companheiro Paul Harris” pela sua contribuição na ação para a construção da nova Casa da Amizade de Dourados. O assessor da Casa Civil do Governo do Estado, Valter Carneiro Junior, recebeu o prêmio em nome do prefeito.

A outra homenagem foi para Iracema Prado, que recebeu o “Prêmio à Cônjuge – Parceiro por serviços prestados”. Esposa do rotariano Melquiades Prado, Iracema desenvolve ações sociais desde 1966, quando o marido entrou para o Rotary ainda em São Paulo. Em Dourados desde 1969, Iracema tem uma grande folha de serviços à comunidade. Entre suas ações está a criação do “Projeto Fraudinha”, há 13 anos, e que fabrica fraudas para crianças carentes e uso em hospitais e por entidades assistenciais.

 

POSSES

Na solenidade os seis clubes de Rotary de Dourados deram posses às suas novas diretorias:

– Rotary Club Dourados (Douradão): Assume Sebastião Resende em lugar de Alfredo Marques;

– Rotary Club Dourados Caiuás: Assume Rodrigo Abid Salomão em lugar de Albino Mendes;

– Rotary Club Dourados Cinquentenário: Assume Símas do Carmo em lugar de Divaldo Dias Leite;

– Rotary Club Dourados Água Boa: Assume Laércio Pereira em lugar de Luciero Pimentel;

– Rotary Club Dourados Guaicurús: Assume Roberto Duarte em lugar de Júlio Saldivar;

– Rotary Club Dourados Águia Dourada: Assume Clara Toshi Endo;

– Casa da Amizade: Assume Áurea de Ávila.

 

PARCERIA

O presidente da Câmara de Vereadores de Dourados, Idenor Machado, disse que a eleição de Hermes para presidir o Rotary é uma grande honra para Dourados. Destacou ainda a função de “governar voluntários”.

O presidente colocou a Câmara a disposição dos rotarianos para discuti parcerias que atendam a comunidade e busque soluções para os problemas de Dourados, citando o caso dos problemas logísticos. “Reconheço os serviços que vocês, senhores e senhoras rotarianos fazem pela humanidade”, afirmou.

 

O DISTRITO

O Distrito 4470 é formado por em 22 clubes de 11 cidades da região noroeste do Estado de São Paulo e 51 clubes de 31 cidades do estado de Mato Grosso do Sul, totalizando 73. Entre eles estão 3 clubes mistos instalados nas cidades de Ponta Porã, no Brasil, e Pedro Juan Caballero, no Paraguai. Ao todo frequentam as reuniões semanais dos clubes do Distrito 1.900 líderes.

No Estado de São Paulo os clubes de Rotary do Distrito 4470 estão em Andradina (3 clubes), Araçatuba (9 clubes), Avanhadava, Bilac, Birigui (3 clubes), Castilho, Guaraçaí, Guararapes, Mirandópolis, Penápolis (2 clubes), Valparaíso. Em Mato Grosso do Sul       estão em Água Clara, Amambaí, Aparecida do Taboado, Batayporã, Bela Vista, Caarapó, Campo Grande (8 clubes), Cassilândia, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Dourados (6 clubes), Fátima do Sul, Inocência, Itaporã, Ivinhema, Jardim/Guia Lopes da Laguna, Laguna Carapã, Maracaju, Miranda, Naviraí (2 clubes), Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina (2 clubes), Paranaíba (2 clubes), Ponta Porã-Br/Pedro Juan Caballero-Py (3 clubes), Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Selvíria (2 clubes), Três Lagoas (2 clubes).

 

O ROTARY

O primeiro clube foi fundado na cidade de Chicago, Estados Unidos, em 1905 pelo advogado Paul Percy Harris e mais três homens de negócios, Gustav Loehr – engenheiro de minas, Hiran Shorey – alfaiate, e Silvester Schiele – comerciante de carvão.

A Associação Nacional de Rotary Clubs (National Association of Rotary Clubs) foi fundada em 1910, e em 1912 seu nome mudou para Rotary International em função da admissão do primeiro Rotary Clube fora dos Estados Unidos, em Winnipeg, Canadá. Em 1917 nasceu a Fundação Rotária. Atualmente, existem mais de 1,2 milhão de rotarianos associados em 34.700 Rotary Clubes espalhados por 210 países ou regiões do mundo.

A Missão do Rotary International é servir ao próximo, difundir a integridade e promover boa vontade, paz e compreensão mundial por meio da consolidação de boas relações entre líderes profissionais, empresariais e comunitários.