Exportações de carne impulsionam balança comercial do Estado

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

carne

O saldo de tudo que Mato Grosso do Sul vendeu e comprou do exterior entre os meses de janeiro e agosto já passa dos R$ 2 bilhões, de acordo com a Carta de Conjuntura elaborada pela Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar). Os destaques foram às exportações de carne bovina, 24,15%, e de celulose, 10,84%.

A China segue como o principal destino das exportações do Estado, com 43,82% do total. O município de Três Lagoas permanece como o maior volume de exportações, chegando aos 51,52%, seguido por Campo Grande, com 8,65%, e Dourados, 7,47%.

“Notamos que o Estado continua expandindo seu mercado no exterior, com mudanças no ranking dos principais produtos. É o caso da soja, que apresenta queda de 44,16% no volume de venda, enquanto o milho teve alta de 266%. Já a celulose se mantém no topo com faturamento de US$ 1,3 bilhão no período”, analisa o titular da Semagro, Jaime Verruck.

Conforme a Semagro, em relação as importações, o gás natural boliviano representa quase metade (49,82%) do que o Estado compra do exterior, abaixo do que representava no mesmo período do ano passado (53,31%).