Câmara de Dourados instala frente parlamentar para apurar problemas e sugerir melhorias na UPA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Preocupado com a situação da UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) de Dourados, o presidente da Câmara Municipal de Dourados determinou nesta segunda-feira (3) a instalação de uma frente parlamentar para acompanhar de perto a crise estrutural existente na unidade e apresentar propostas visando à melhoria do atendimento prestado à população. O ato de criação do grupo de trabalho será publicado nesta semana no Diário Oficial do Município.

Segundo o presidente da Câmara de Dourados, Laudir Munaretto (MDB), a Frente Parlamentar em Defesa da UPA e Seus Usuários terá a finalidade de contribuir para o aprofundamento do debate, formulação e implementação de políticas públicas e ações que possam contribuir para a organização e estruturação da UPA de Dourados. Entre outras ações, a frente realizará estudos visando à melhoria do atendimento, além de identificar possíveis falhas e irregularidades. Os trabalhos da frente serão realizados no prazo de 180 dias.

“Devido à crise que estamos vivenciando no Hospital da Vida e com o fechamento da UPA durante o final de semana, entendo ser necessário uma atuação mais próxima dos vereadores a fim de acompanhar essa situação, apurar o que realmente vem acontecendo e propor caminhos que possam solucionar esses problemas vivenciados na unidade para que possamos oferecer um atendimento humano, digno e de qualidade à população. Acredito que a frente parlamentar possa ser um importante mecanismo para auxiliar o Poder Executivo, contribuindo com ações e propostas que venham a resultar na melhoria da saúde pública em nosso município”, destacou Laudir Munaretto.

Laudir informou que o vereador Marcelo Mourão (Podemos) aceitou o convite e vai presidir a frente de trabalho, que terá a vereadora Liandra da Saúde (PTB) como secretária. Outros vereadores estão sendo convidados e também devem fazer parte do grupo de trabalho.