Retração na venda de veículos no Estado chega a 23%

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

No primeiro semestre de 2016, o setor comercializou 22% a menos que no mesmo período de 2015 (Foto: Arquivo)
No primeiro semestre de 2016, o setor comercializou 22% a menos que no mesmo período de 2015 (Foto: Arquivo)

A crise econômica continua atingindo em alto o setor automotivo em Mato Grosso do Sul. A comercialização de veículos voltou a cair em julho. Apesar das expectativas de melhoras nas vendas no segundo semestre do ano, no mês passado foram emplacados 3.3882 veículos, queda de 4,08% em relação a junho, segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos).

A retração é ainda maior se comparado a julho do ano passado, quando foram emplacados 5.324 veículos, a queda chega a 27,08%. Entre os segmentos, a comercialização de motocicletas continua apresentando números ruins, foram 34% a menos que no ano passado.

Em relação aos automóveis, foram emplacados 1.673 no mês passado contra 2.520 em julho do ano passado, queda de 33%. As vendas de comerciais leves bateram na trave, foram 691 este ano e 698 no ano passado, redução de apenas 1%.

No primeiro semestre de 2016, o setor comercializou 22% a menos que no mesmo período de 2015, o que mostra que a população ainda não voltou ao patamar de consumo de antes. Em sete meses, a retração sobe para 23,3%, com 8.500 veículos a menos emplacados.