Lentidão nas obras da BR-163 será tema de audiência

Lentidão nas obras da BR-163 será tema de audiência
Após reclamações, Deputados vão apurar a morosidade nas obras; CPI não é descartada

Após reclamações, Deputados vão apurar a morosidade nas obras; CPI não é descartada

Os deputados marcaram para o dia 16 de março, a audiência pública para discutir a obra de duplicação da BR-163. Foram convidados para o evento a ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestres), a empresa CCR MSVia, além dos prefeitos das cidades envolvidas no projeto e a bancada federal do Estado.

O assunto entrou em pauta nesta semana, durante a sessão na Assembleia Legislativa. Os deputados reclamaram da “lentidão e demora” da obra de duplicação, além do preço cobrado nos pedágio em diversos trechos do Estado. Eles disseram que a intenção desta audiência é ter uma posição mais efetiva tanto da empresa (CCR MSVia), como da ANTT, responsável pela fiscalização.

“Depois do apoio dos colegas, nós conseguimos agendar o encontro para o dia 16 (março), a partir das 9h, na Assembleia. Esperamos que o representante da ANTT tenha poder de decisão e não apenas venha aqui nos ouvir”, disse Joção Grandão (PT). Ministério Público Federal e governo estadual também foram chamados.

O tema gerou várias sugestões dos parlamentares. Onevan de Matos (PSDB) chegou a dizer que caso não haja uma “solução” para a história, o legislativo poderia abrir uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) sobre o tema. Já Amarildo Cruz (PT) propôs uma ação civil pública para “suspender” o contrato de concessão com a empresa.