Em reunião com Simone Tebet, Renato busca recursos para Ivinhema

Em reunião com Simone Tebet, Renato busca recursos para Ivinhema

simone_ivinhema_2308

O deputado estadual Renato Câmara (MDB) e o prefeito de Ivinhema Éder Uilson França Lima, o Tuta, se reuniram na manhã desta sexta-feira (23), em Campo Grande, com a senadora Simone Tebet (MDB). No encontro, Renato e Tuta solicitaram o apoio da presidente do CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado Federal para a viabilizar recursos federais para a revitalização do Mercado do Produtor, conhecido como Feirão, e para obras de controle da erosão que atinge o bairro Piravevê.

Durante o encontro com Simone, Renato Câmara destacou que tem atuado em conjunto com a equipe da Prefeitura de Ivinhema na busca por investimentos e melhorias para o município. O deputado lembrou que a erosão é um problema antigo no município, que há anos busca parcerias com o governo estadual e federal para viabilizar os recursos necessários para execução do projeto de implantação de galerias de águas pluviais na região afetada pela erosão no bairro Piravevê. A obra está orçada em aproximadamente R$ 5 milhões.

Já a revitalização do Feirão é uma reivindicação dos pequenos produtores rurais, feirantes e usuários que utilizam semanalmente o espaço para comercialização dos produtores oriundos da agricultura familiar. A feira foi implantada em 2006, durante o primeiro mandato de Renato Câmara como prefeito de Ivinhema e se tornou um ponto de encontro das famílias do município.

“Somos conhecedores da realidade e dos desafios enfrentados pela população de Ivinhema e estamos trabalhando, conjuntamente com o prefeito Tuta, na buscar constante de soluções e melhorias para o município. Desta vez, trouxemos a senadora alguns projetos importantes para Ivinhema e que necessitam de investimentos federais para serem executados. A Simone é atualmente uma das cabeças mais influentes no Congresso Nacional e tem totais condições de nos ajudar a viabilizar esses recursos tão importantes para o município”, finalizou Renato Câmara.