Tocha Olímpica irá a Bonito de helicóptero

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

 

tocha-olímpica-trajeto
Cidades por onde a tocha olímpica passará em Mato Grosso do Sul. Pernoite será em Campo Grande e Dourados. (Arte: Bolivar Porto/Governo do Estado).

Dênes de Azevedo

 

Pelo planejamento inicial a tocha olímpica passaria em Mato Grosso do Sul pelas cidades de Campo Grande e Dourados, onde pernoitarão, e ainda Sidrolândia, Maracaju, Rio Brilhante, Itaporã, Nova Andradina e Bataguassú.

Mas o Governo do Estado e a Fundtur (Fundação de Turismo de MS) interviram em favor de Bonito e a cidade foi inserida no roteiro. Assim, o principal destino turístico do Estado poderá ver a tocha desfilar pela sua principal rua e alguns atrativos turísticos. Porém, o trajeto de Campo Grande a Bonito será feito de helicóptero e não por terra.

A tocha chega a Campo Grande no dia 24, última sexta-feira do mês, de avião, proveniente de Cuiabá, a única cidade do Mato Grosso a ver o símbolo olímpico. Depois de pernoitar segue num helicóptero das Forças Armadas no sábado pela manhã para Bonito. À tarde chega de volta a Campo Grande, faz o revezamento e pernoite da cidade.

No domingo de manhã parte em direção a Dourados passando por Sidrolândia, Maracaju, Rio Brilhante e Itaporã. Em Dourados fará o revezamento e pernoitará, com as atividades de celebração na Praça Antônio João a partir das 16h. Na segunda-feira (27) segue para Presidente Prudente (SP), passando por Nova Andradina e Bataguassu.

Há ainda uma incerteza com relação à cidade de Rio Brilhante. Uma ponte na BR-267, nas proximidades da área urbana, apresenta problemas estruturais e pode prejudicar a chegada da caravana à cidade. Algumas avaliações ainda serão feitas, mas como não existe tempo hábil para reparar a ponte, a hipótese mais provável é que Rio Brilhante fique fora da rota.

O revezamento começou em Brasília no dia 03 de maio, onde a tocha desembarcou vinda da Grécia, o berço olímpico. Termina no dia 05 de agosto na cidade do Rio de Janeiro, após percorrer milhares quilômetros pelo país por ar, terra e água.

Os jogos, que começam quando o último condutor da tocha acenderá a Pira Olímpica durante a Cerimônia de Abertura dos Jogos, no Estádio do Maracanã, seguem até o dia 21 de agosto, com participação de 10.500 atletas de 206 países. Em 17 dias serão disputadas 306 provas com medalhas.