Programa de R$ 96 mi para melhorar a segurança

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

MS-Mais-seguro-293-672x372
Reinaldo afirma que com os investimentos Mato Grosso do Sul será um dos estados brasileiros mais bem estruturados na segurança pública. (Fotos: Chico Ribeiro).

O Governo do Estado lançou nesta terça-feira (14) o programa de investimentos “MS Mais Seguro”, que garante o emprego de R$ 96,4 milhões para a estruturação do Corpo de Bombeiros e das polícias Civil e Militar. O programa  prevê reforma de prédios e compra de viaturas, equipamentos e armamentos até 2018. Lançado pelo governador Reinaldo Azambuja e pelo secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, o “MS Mais Seguro” é um dos maiores projetos de investimentos em segurança da história do Estado e atende uma das principais necessidades da população sul-mato-grossense.

A solenidade de lançamento foi realizada no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande. Dos recursos garantidos pelo programa, R$ 78,8 milhões são próprios do Governo do Estado. Outros R$ 15,9 milhões são do Governo Federal – provenientes do Ministério da Justiça e Cidadania para a substituição e modernização do sistema de rádio e comunicação das polícias Civil e Militar. O restante é de emendas parlamentares estaduais (R$ 1,6 milhão) e emendas parlamentares federais (R$ 30 mil).

Na cerimônia de lançamento, Reinaldo destacou a estruturação das forças estaduais de segurança. Para ele, com os investimentos do Governo do Estado, “Mato Grosso do Sul será um dos estados brasileiros mais bem estruturados”. Nesse sentido, o secretário José Carlos Barbosa falou sobre a boa gestão do governo, que ganha evidência no cenário nacional  “devido à situação de crise enfrentada pelos demais estados da Federação”.

Também participaram do evento os secretários de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, de Administração e Desburocratização, Carlos Alberto de Assis, e da Casa Civil, Sérgio de Paula. Representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Tribunal de Justiça do Estado (TJMS), Ministério Público Estadual (MPMS) e Assembleia Legislativa, entre outras instituições, também estiveram no lançamento.

 

Os primeiros repasses do “MS Mais Seguro” foram feitos nesta terça-feira, durante o lançamento do programa. O governador Reinaldo e o secretário José Carlos Barbosa entregaram 74 novas viaturas, 60 para a Polícia Militar e 14 para o Corpo de Bombeiros. 230 novas armas também foram entregues aos policiais militares.

Das viaturas recebidas pela Polícia Militar, 54 são motocicletas, sendo 19 de 250 cilindradas e 35 de 660 cilindradas; quatro vans; e dois caminhões guinchos, que irão beneficiar diversos municípios do Estado. Os veículos foram adquiridos com recursos das multas de trânsito aplicadas pelos municípios conveniados.

Entre as 230 novas armas recebidas pela Polícia Militar estão fuzis e espingardas de grosso calibre. São quatro fuzis calibre 7.62; 80 metralhadoras automáticas de calibre .40; 166 espingardas calibre 12; e 60 carabinas semiautomáticas calibre 5.56, que serão enviadas para os grupos especiais da PM e também para alguns municípios de Mato Grosso do Sul, especialmente aqueles localizados na fronteira.

Já o Corpo de Bombeiros recebeu 14 viaturas, sendo oito Unidades de Resgate, seis delas para Campo Grande e outras duas para municípios do interior; e mais seis viaturas Auto Bomba Rápidos (ABR), sendo 4 deles para Campo Grande e outros dois para os municípios do interior.

Até dezembro de 2018, o programa “MS Mais Seguro” realizará a reforma e modernização de delegacias, pelotões, presídios e Unidades Educacionais de Internação (UNEI’s) de Mato Grosso do Sul. Os investimentos serão para a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Coordenadoria-Geral de Perícias (CGP), Superintendência de Assistência Socioeducativa (SAS) e Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).

 

MS-Mais-seguro-293-672x372-pm
Entre as 230 novas armas, estão 4 fuzis calibre 7.62, 80 metralhadoras automáticas de calibre .40 e 166 espingardas calibre 12.

R$ 23,9 mi para a Polícia Militar

O Governo do Estado irá investir R$ 23,9 milhões para equipar a Polícia Militar de Mato Grosso do Sul com novas viaturas, armamento, munições, granadas e equipamentos de proteção individual, como coletes balísticos, capacetes e escudos.

Durante o lançamento do “MS Mais Seguro” no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, o governador e o secretário de Segurança já realizaram as primeiras entregas do programa para a Polícia Militar, que conta a partir de agora com 54 novas motocicletas e 230 novas armas, que de acordo com o comandante-geral da PM, coronel Jorge Edgard Júdice Teixeira, eram aguardadas há 12 anos.

“Nós tínhamos problemas estruturais que se arrastavam por anos e desde o início o governador Reinaldo Azambuja disse reiteradamente que colocaria a segurança pública como política de Estado, o que hoje torna  realidade com essas entregas, garantindo melhores condições de trabalho as policiais e maior segurança à população, especialmente na região de fronteira”, comemora o comandante-geral da Polícia Militar.

Das viaturas recebidas pela Polícia Militar, 54 são motocicletas, sendo 19 de 250 cilindradas e 35 de 660 cilindradas. Nos próximos dias a instituição recebe ainda, 4 vans e 2 caminhões guinchos, que irão beneficiar diversos municípios do Estado. Os veículos foram adquiridos com recursos das multas de trânsito aplicadas pelos municípios conveniados.

Entre as 230 novas armas, estão 4 fuzis calibre 7.62, 80 metralhadoras automáticas de calibre .40, 166 espingardas calibre 12 e 60 carabinas semiautomáticas calibre 5.56, que serão enviadas para os grupos especiais da PM e também para alguns municípios de Mato Grosso do Sul, especialmente aqueles localizados na fronteira.

Até o final de 2018 o Governo do Estado irá entregar para a Polícia Militar outras 369 viaturas, 80 viaturas, 70 escudos, 233 capacetes, coletes balísticos novos para todos os policiais, entre outros equipamentos. Além disso, parte dos Batalhões e Companhias receberão reparos e adequações, com os R$ 10 milhões destinados para as reformas das unidades de segurança. “São investimentos que com certeza vão fazer do Estado, aquele que melhor oferece condições aos policiais, mostrando que mais que na fala, estamos fortalecendo a segurança com ações concretas, que beneficiam não apenas as polícias, mas toda a população”, pontuou o governador.

Os investimentos que naturalmente seriam grandiosos pelo expressivo montante, tomam dimensão ainda maior segundo o secretário José Carlos Barbosa, por estarem sendo feitos em um momento em que muitos estados vivem grande crise no setor de segurança, com reajuste zero e com parcelamento de salários. “Dos mais de 96 milhões de reais, mais de 80 milhões são do esforço do Governo do Estado, que mostra que segurança pública é efetivamente prioridade deste governo”, enfatiza o secretário de Segurança.

MS-Mais-seguro-293-672x372-barbosinha
Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa.

Corpo de Bombeiros recebe escada Magirus

No total, são 14 viaturas destinadas ao Corpo de Bombeiros, sendo oito unidades de Resgate (UR), onde seis serão destinadas ao atendimento na Capital e duas para o interior. Essas Unidades de Resgate são ambulâncias utilizadas para atendimentos hospitalares de média e alta complexidade, prontas para atender vítimas de acidentes, infartos, quedas, afogamentos, etc.

 

Além disso, foram adquiridas seis viaturas Auto Bomba Rápida (ABR), que possuem equipamentos para realizar resgates e salvamento aéreo, terrestre e aquático. Essas viaturas são equipadas também com tanques de água com 2 mil litros de capacidade, destinados a atender ocorrências de princípios de incêndio.

Para o governador, esses investimentos feitos vão estruturar a segurança pública, colaborando para a construção de uma política duradoura para a área. “Todos esses equipamentos entregues hoje mostram o compromisso do Governo do Estado com a Segurança Pública“, destacou.

Durante o evento, o governador anunciou também a autorização de licitação para a compra de uma viatura com a escada Magirus, num investimento total de R$ 6 milhões. Esse modelo será o primeiro utilizado pelo Corpo de Bombeiros do Estado e vai colaborar para o combate de incêndio em prédios de até 18 andares.

 

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, ressaltou que a aquisição desse veículo vai melhorar ainda mais a capacidade de atendimento do Corpo de Bombeiros à população do Estado. “Um veículo desse porte será muito importante para atender a Capital e os municípios que possuem edificações elevadas”, afirmou.

 

Já o comandante dos Bombeiros, coronel Esli Ricardo de Lima, garantiu que todos esses investimentos feitos serão fundamentais para a população. “Além dessa viatura, serão outras oito viaturas de combate a incêndio que estarão disponíveis para atender a nossa gente”, disse.