Conta de luz terá bandeira verde em janeiro, sem cobrança extra

Conta de luz terá bandeira verde em janeiro, sem cobrança extra

 

30/12/2016

 

Moedas

Dólar Comercial: 3,2492 (compra) 3,2497 (venda) -0,94% (variação)

Dólar Turismo: 3,0900 (compra) 3,4200 (venda) -1,16% (variação)

Euro Comercial: 3,4217(compra) 3,4268 (venda) +0,35% (variação)

Libra: 4,0063 (compra) 4,0116 (venda) +0,51% (variação)

Guarani: 1.710 (compra) 1.790 (venda)

(Fonte: Uol e Cambios Chaco – fechado às 18h21)

 

Bolsa

Índice Bovespa fechou em +0,75% (60.227,29) nesta sexta-feira.

(Fonte: Uol)

 

Commodities

Soja: 71,00(BA) 70,49(GO) 69,72(MG) 65,94(MS) 64,78(MT) 67,64(PR) 68,30(RS)  72,33(SC) 71,81(SP)

Milho: 44,42(BA) 33,28(GO) 35,04(MG) 27,94(MS) 24,76(MT) 29,64(PR) 33,87(RS) 35,78(SC) 34,85(SP)

Algodão: 86,50(BA) 63,56(GO) 90,97(MG) 70,00(MS) 83,69(MT)

Arroz: 50,00(BA) 68,00(MT) 68,57(PR) 48,84(RS) 59,24(SP)

Feijão: 240,00(BA) 194,91(PR) 225,26(RS) 198,75(SC) 161,20(SP)

 

Bovinos: 157,53(BA) 140,81(GO) 148,35(MG) 134,50(MS) 126,18(MT) 149,24(PR) 4,86(RS) 154,61(SC) 149,21(SP)

Aves: 3,30(MG) 2,87(PR) 2,41(SC) 3,30(SP)

(Fonte: Agrolink – fechado às 18h07)

 

Petróleo (Brent): US$ 54,670 (-0,25%)

Ouro: US$ 1150,730 a onça-troy (-0,07%)

Prata: US$ 15,950 (+0,17%)

Platina: US$ 904,200(+0,02%)

Paládio: US$ 680,400 (-0,09%)

(Fonte Uol – fechado às 18h18)

 

Índices

Salário Mínimo: R$ 880,00 (2016)

Global 40: +112,32

TR: +0,18%

CDI: +13,63%

SELIC: +13,75% (2/12)

IPCA: +0,18% (Nov/16).

IPC-Fipe: +0,15 (Nov/16)

IGP-M: -0,03 (Nov/16)

INPC: +0,07 (Nov/16)

(Fonte Uol)

 

UAM-MS (Unidade de Atualização Monetária de MS)

– Dezembro/2016: R$ 3,5407

– Novembro/2016: R$ R$ R$ 3,5361

– Outubro/2016: R$ R$ R$ 3,5350

– Setembro/2016: R$ R$ 3,5199

– Agosto/2016: R$ 3,5337

– Julho/2016: R$ 3,4770

– Junho/2016: 3,4381

– Maio/2016: R$ 3,4258

– Abr/2016: R$ 3,4111

– Mar/2016: R$ 3,3844

– Fev/2016: R$ 3,3334

– Jan/2016: R$ 3,3188

(Fonte Sefaz/MS)

 

 

UFERMS

– Dez/2016: R$ 24,39

– Out/2016: R$ 24,28

– Ago/2016: R$ 23,99

– Jun/2016: R$ 23,63

– Abr/2016: R$ 23,35

– Fev/2016: R$ 22,90

(Fonte Sefaz/MS)

 

 

ESTATÍSTICAS DA ECONOMIA AGRÍCOLA ANO BASE 2015

http://www.agricultura.gov.br/arq_editor/Pasta%20de%20Dezembro%20-%202015.pdf

 

BALANÇA COMERCIAL DE MS

 

– Carta de Conjuntura Junho de 2016 – http://www.semade.ms.gov.br/wp-content/uploads/sites/20/2016/06/Setor-Externo-Junho-2016.pdf

 

 

Conta de luz terá bandeira verde em

janeiro, sem cobrança extra, diz Aneel

As contas de luz em janeiro terão bandeira tarifária verde, o que significa que não haverá cobrança extra dos consumidores, informou nesta sexta-feira a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A agência disse que a bandeira verde nas tarifas é resultado de uma hidrologia favorável, que tem favorecido a produção das hidrelétricas do país.

Quando a oferta de energia é menor, podem entrar em vigor as bandeiras amarela e vermelha, que elevam o custo das contas para incentivar um consumo mais eficiente, segundo a Aneel. (Reuters).

 

Logo do Netflix exibido em um iPad. 19/04/2013 REUTERS/Mike Blake

Logo do Netflix exibido em um iPad. 19/04/2013. (Foto: REUTERS/Mike Blake).

Temer sanciona lei sobre ISS, que passará

a taxar serviços como Netflix e Spotify

O presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei complementar sobre o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), incluindo na cobrança serviços de transmissão online de áudio e vídeo, como o Netflix e Spotify, entre aqueles que podem ser taxados.

De acordo com publicação nesta sexta-feira no Diário Oficial da União, também serão sujeitos à cobrança do imposto serviços de “processamento, armazenamento ou hospedagem de dados, textos, imagens, vídeos, páginas eletrônicas, aplicativos e sistemas de informação, entre outros formatos, e congêneres”.

A elaboração de programas de computadores, inclusive de jogos eletrônicos, também passa a ser taxada, assim como a disponibilização, sem cessão definitiva, de conteúdos de áudio, vídeo, imagem e texto por meio da Internet”, informa o Diário Oficial. Ficam de fora livros, jornais e periódicos.

A alíquota mínima do imposto foi estipulada em 2 por cento.

A lei também trata dos critérios e prazos de crédito das parcelas do produto da arrecadação de impostos de competência dos Estados e de transferências por estes recebidos, pertencentes a municípios.

 

VETOS

Entre os vetos está o inciso que trata do domicílio do tomador de serviços em alguns casos, em que o governo considerou que “comportaria uma potencial perda de eficiência e de arrecadação tributária, além de pressionar por elevação do valor dos planos de saúde, indo de encontro à estratégia governamental de buscar alternativas menos onerosas para acesso aos serviços do setor”.

Também foi vetado o inciso sobre domicílio do tomador do serviço no caso dos serviços prestados pelas administradoras de cartão de crédito ou débito. “Os dispositivos comportariam uma potencial perda de eficiência e de arrecadação tributária, além de redundar em aumento de custos para empresas do setor, que seriam repassados ao custo final, onerando os tomadores dos serviços”, diz o Diário Oficial. (Reuters).

 

Petróleo e metais disparam em 2016 por cortes

de produção e expectativa de demanda

O petróleo, a borracha e alguns metais devem encerrar 2016 com fortes ganhos, recuperando-se de diversos anos de perdas, às custas de cortes de produção e expectativas de demanda mais forte.

Os contratos de referência do zinco, do vergalhão de aço e da borracha subiram cerca de 60 por cento neste ano, enquanto o petróleo Brent subiu mais de 50 por cento.

Os cortes de produção do petróleo anunciados pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), a demanda acima do esperado em importantes mercados de commodities na China e expectativas de maiores gastos com infraestrutura nos Estados Unidos, após a vitória do candidato republicano Donald Trump, impulsionaram os preços.

Olhando adiante, os preços do petróleo devem gradualmente subir em direção aos 60 dólares por barril até o fim de 2017, mostrou uma pesquisa da Reuters, mas os ganhos serão limitados pela força no dólar, por mais exportações de petróleo dos EUA e pela possibilidade de que alguns membros da Opep não cumpram seus cortes.

“Rápidos declínios de produção de países de fora da Opep e a decisão do grupo de reduzir a produção foram cruciais para a alta nos preços em 2016”, disse o analista da Energy Aspects Nevyn Nah, enquanto o sólido crescimento na demanda também ajudou a sustentar os preços.

Já no mercado de metais básicos, o cobre segue no caminho de sua primeira alta anual desde 2012, enquanto os preços para o vergalhão de aço, utilizados na construção, subiram mais de 60 por cento neste ano. O zinco subiu para uma máxima de nove anos no último mês.

Nos metais preciosos, o ouro subiu mais de 9 por cento neste ano, encerrando três anos de perdas, com o mercado sendo sustentado por uma alta na demanda devido a incertezas econômicas e políticas. (Reuters).

 

Açúcar bruto sobe 28% em 2016

e tem maior alta anual desde 2009

Os contratos futuros do açúcar bruto fecharam o ano em alta de 28 por cento ante o final de 2015, no mais forte desempenho anual desde 2009, devido a menores expectativas de produção na Índia e uma colheita mais curta no Brasil.

O primeiro contrato fechou em alta de 0,10 por cento, ou 0,02 centavo, a 19,51 centavos de dólar por libra-peso. (Reuters).

 

Café robusta fecha ano com alta de 40%;

açúcar branco avança 24% em 2016

Os contratos futuros do café robusta negociados em Londres subiram 1 por cento nesta sexta-feira, com o referencial fechando 2016 com ganho anual de 40 por cento.

O mercado tem recebido suporte de um aperto na oferta após uma fraca safra de robusta do Brasil, afetada pela seca, além de problemas na Indonésia e Vietnã.

Nesta sexta-feira, o contrato março do robusta fechou em alta de 22 dólares, a 2.138 dólares a tonelada.

Os contratos futuros do açúcar branco subiram 3,30 dólares, ou 0,6 por cento, para fechar a 524,20 dólares a tonelada.

O primeiro contrato fechou 2016 com um ganho anual de 24 por cento.

O mercado londrino do café robusta e do açúcar branco teve uma sessão mais curta e vai reabrir na próxima terça-feira, por conta das festas de final de ano. (Reuters).