Dourados apresenta Plano de Saneamento nesta terça

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

 

Plano de saneamento contempla, entre outras ações, serviços de drenagem urbana. (Foto: Divulgação).
Plano de saneamento contempla, entre outras ações, serviços de drenagem urbana. (Foto: Divulgação).

Nesta terça-feira (09), às 19h, a Prefeitura de Dourados apresentará na Câmara de Vereadores o PMSB (Plano Municipal de Saneamento Básico), sob coordenadoria da Secretaria de Planejamento. O Plano é um instrumento de planejamento e de gestão dos serviços públicos para melhorias no saneamento básico.

A elaboração do Plano contemplou os serviços de abastecimento de água potável, coleta e tratamento de esgoto sanitário, limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos, drenagem urbana e manejo de águas pluviais.

De acordo com a Prefeitura, o plano contempla diagnóstico da situação atual, seus impactos na qualidade de vida da população e prognostica as demandas dos serviços para os próximos 20 anos, com metas e objetivos estabelecidos, além da definição de programas, projetos e ações necessárias para a universalização dos serviços.

Conforme a Secretaria de Planejamento, dentre os objetivos com o Projeto, estão obedecer à exigência legal aos titulares de serviço público de saneamento básico, de acordo com Lei Federal 11.445/200; auxiliar o município a identificar os problemas atuais dos quatro eixos do saneamento; determinar ações e alternativas para atendimento da demanda atual e de expansão; estabelecer objetivos, metas e investimentos, a fim de alcançar a melhoria dos serviços; contribuir para o desenvolvimento sustentável do município.

O trabalho de estruturação do plano teve início no ano passado e tem previsão de ser concluído em setembro, de forma ao município se adequar as normas legais e se preparar para o futuro.

O estudo compreende sete fases. Conforme o secretário de Planejamento, Tahan Sales Mustafá, a análise está na terceira etapa, que visa coletar informações da realidade local para as próximas etapas.

“Essa fase é o diagnóstico técnico e foram colhidas informações em todos os aspectos de toda a cidade. As informações serão bases pra um prognóstico que irá apontar as necessidades que deveremos trabalhar para os próximos 20 anos”, disse.

Um grupo de acompanhamento do trabalho de diagnóstico é formado por servidores de várias secretarias e órgãos municipais.

O secretário destaca a preocupação da Gestão Délia Razuk de debater as ações e convida a população para participar da apresentação do Plano. “A prefeita Délia tem voltado ações nesse âmbito, o que era indispensável para Dourados. Nosso convite é para que a população se intere, opine e participe”, citou.

O trabalho já realizado está disponível no site da prefeitura [www.dourados.ms.gov.br] e pode ser acessado no campo ‘cidadão’.