Depois das festas vem as contas e IPVA já vence em janeiro

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

transito1

Quando as festas de fim de ano terminam vem as contas típicas do início do ano. A primeira a vencer é o Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), que vence no dia 31 de janeiro, tanto para os contribuintes que optarem pelo parcelamento como os que forem parcelar o tributo.

De acordo com o governo do Estado os boletos já foram entregues pelos Correios. O contribuinte poderá pagar o imposto em cinco parcelas, com a primeira vencendo em 31 de janeiro de 2020. O mesmo prazo vale para a parcela única. Os contribuintes que optarem pelo pagamento à vista, contam com desconto de 15% sobre o valor do tributo.

Segundo a Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz-MS), o governo manteve para 2020 os descontos no IPVA e as condições especiais dos anos anteriores. Carros de passeio vão continuar com desconto de 25%, resultando em uma alíquota de 3,5%. Caminhão, ônibus, micro-ônibus e veículos de passeio novos permanecem isentos pelo primeiro ano. Para motocicletas, a primeira tributação tem desconto de 50%, resultando em uma alíquota de 1% sobre a tabela FIPE.

As alíquotas para veículos usados são de 2% para caminhão, ônibus, motos, triciclos e quadriciclos; de 2,5% para embarcações e aeronaves; 3% para aeronaves e lanchas esportivas, como jet-skis, motor-home e kart; 3,5% para carros de passeio; 4,5% para carros de passeio com capacidade de até oito passageiros, que utilizem óleo diesel; e de 7% para veículos de corrida.

Ao todo foram encaminhados 1,1 milhão de carnês, que é o número correspondente a frota de veículos sul-mato-grossense. Para os contribuintes que optarem pelo parcelamento, não há desconto.