Com R$ 38 bi em investimentos, MS é destaque na revista Isto É

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

investirA Revista Isto É Dinheiro (edição nº 974, de 6 de julho de 2016) que já está nas bancas, traz uma série de reportagens sobre Mato Grosso do Sul, apontado como o destino ‘Número 1’ dos investimentos no Centro Oeste. Dentre os destaques da reportagem especial estão o modelo de gestão adotado pela administração do governador Reinaldo Azambuja, o mapa de potencialidades do Estado e os programas prioritários que são o diferencial do Estado, entre eles o Caravana da Saúde.

O pontapé inicial para a mudança de rumos do Estado parte do trabalho de melhoria da gestão desenvolvido com a contribuição da organizaçao não-governamental Movimento Brasil Competitivo (MBC). De forma inovadora, o Governo adota práticas da iniciativa privada na adminstração pública, transformando o Estado no principal polo de desenvolvimento da região. Até 2018 já são contabilizados R$ 38 bilhões em investimentos com geração de 24 mil postos de trabalho.

O diretor-presidente do MBC, Cláudio Gastal, frisa que o novo modelo de gestão está sendo empreendido de forma inovadora, integrada, transversal, ‘que soa como música ao ouvido dos empresários’. A publicação traz um mapa com as potencialidades e o perfil de negócios das regiões sul-mato-grossenses.

A posição privilegiada de MS e a boa estrutura logística também foram exploradas pela reportagem. A Rota Bioceânica que está em processo de instalação vai permitir encurtar caminhos para escoar a produção de todo o Centro-Oeste ao mercado Asiático, que concentra 55% das exportações de MS. Para a viabilização, estão envolvidos Brasil, Paraguai, Argentina e Chile. Paralelamente, o Governo prepara um projeto avaliado em R$ 2 bilhões para reestruturar rodovias existentes e construir novas, sobretudo no interior do Estado.

imagem-4Os programas prioritários de Governo como Saúde, Educação e Segurança Pública – que estão servindo de modelo para outros Estados – também são destacados. O Caravana da Saúde, carro-chefe da gestão, traz números atualizados com 50 mil cirurgias realizadas, 230 mil pessoas atendidas e mais de 500 mil procedimentos, tudo em 1 ano e meio de governo. O salto no ranking da transparência – saindo de uma nota 1,4 para 9,1 – também é citado como uma das principais ferramentas de gerenciamento bem sucedida da atual gestão.

Há informações sobre o MS Mais Seguro que está investindo R$ 96,4 milhões em Segurança Pública; o Teia da Educação que leva formação continuada aos professores; o Rede Solidária que está tirando milhares de famílias da pobreza com educação e qualificação profissional; o Terra Boa que iniciou a recuperação de dois milhões de hectares de pastagens e incentivos aos produtores; a Desburocratização dos serviços públicos que vem dando celeridade a administração pública; o Carbono Neutro que pretende neutralizar emissões em todas as atividades no Estado; bem como o encanto dos destinos turísticos e culturais entre diversos outros.

 

A edição que contém 24 páginas de dados e registros já está nas bancas.