Warning: Use of undefined constant ‘imagem - assumed '‘imagem' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402368 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403872 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5012 35503072 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5158 36426872 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: Use of undefined constant noticias’ - assumed 'noticias’' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402368 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403872 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5012 35503072 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5158 36426872 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402368 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403872 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5012 35503072 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5158 36426872 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402368 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403872 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5012 35503072 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5158 36426872 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106

Tradição, lindas paisagens e riqueza cultural às margens do rio Guaíba no Rio Grande do Sul

Tradição, lindas paisagens e riqueza cultural às margens do rio Guaíba no Rio Grande do Sul

 

O Rio Grande do Sul tem muitas atrações, que vão desde praias de água doce até atrações culturais e históricas. Próximo à Porto Alegre há São Lourenço do Sul, Camaquã e Guaíba, cidades com várias atrações turísticas.

 

Museu em Lourenço. Foto: Prefeitura de Lourenço
Museu em São Lourenço do Sul. (Foto: Prefeitura).


Em São Lourenço do Sul, as praias de água doce estão entre os principais atrativos da região. Os viajantes podem aproveitar e visitar a maior praia da região, Barrerinhas, muito movimentada durante os fins de semana. Outra opção é Ondinas, que permite a prática de esportes aquáticos como windsurfe.

Em Camaquã, o roteiro turístico inclui visitas a Barragem do Arrio Duro – com churrasqueiras e pracinha de brinquedos -, a Casa do Artesão, a Casa do Poeta Camaquense e o Cine Teatro Coliseu, fundado em 1914, e que chama a atenção pela sua arquitetura em estilo gótico barroco, característico da metade do século XIX.

 

Forte Zeca Netto. Foto: Prefeitura de Camaquã
Forte. (Foto: Prefeitura de Camaquã).


Considerada “berço da revolução farroupilha”, Guaíba tem uma beleza natural ímpar com direito a um trecho de Mata Atlântica em pleno centro da cidade. No local ainda é possível encontrar sítios arqueológicos representativos da cultura guarani. Quem visita a região pode aproveitar também para conhecer a Vitrine Cultural, um espaço desenvolvido com o objetivo de promover os atrativos culturais e históricos da região, com painéis do início da revolução Farroupilha e Memorial Chama Crioula do Milênio.

Porto Alegre. Foto: Prefeitura de Porto Alegre
Porto Alegre. (Foto: Prefeitura de Porto Alegre).

 

Porto Alegre, cidade que finaliza o roteiro, atrai viajantes durante todo o ano. Para impulsionar o setor turístico, a capital gaúcha conta com a Linha Turismo, que oferece uma maneira especial de conhecer a cidade através de um passeio em um ônibus de quatro metros de altura.  Com quase 1,5 milhão de habitantes, a capital gaúcha tem entre as suas atrações turísticas, as margens do Rio Guaíba, o parque Farroupilha, o Mercado Público, a Usina do Gasômetro e a Casa de Cultura Mário Quintana, onde morou o poeta. (Por Fernanda de Lima, do MTur).

rio-gde-sul-rio guaiba-foto-valmir-michelon

Pier, no Rio Guaíba. (Foto: Valmir Michelon).