Recursos do FCO serão divulgados para 42 municípios do Estado

Recursos do FCO serão divulgados para 42 municípios do Estado

pecuaria1

Com mais de R$ 2 bilhões disponíveis para financiamento do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) em Mato Grosso do Sul, sendo R$ 1 bilhão para o setor empresarial e R$ 1 bilhão para o setor rural, o Banco do Brasil realiza neste mês ações de divulgação do fundo. A instituição fará reuniões em 42 municípios para seus clientes e interessados em conhecer a linha de crédito.

Os eventos começaram hoje em Cassilândia e se estendem para outros 41 municípios do Estado. Em Campo Grande a ação acontece no dia 19 de março, a partir das 19h30, no auditório do Sebrae.

O evento da Capital vai contar com uma apresentação do banco sobre a linha de crédito e fala da Semagro , que preside o CEIF/FCO (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis pelo FCO).

“Hoje o FCO faz o papel de fomento às culturas no Estado. Tem auxiliado a promover o desenvolvimento e a expansão dos setores produtivos, principalmente a suinocultura e avicultura. Na pecuária e agricultura, os recursos têm possibilitado a aquisição de máquinas e no empresarial, a abertura e ampliação de novos negócios”, explica o secretário Jaime Verruck que é presidente do CEIF.

O Banco do Brasil está realizando ações para ampliar a divulgação do FCO empresarial. Todos os clientes do banco com limite de crédito para contratação de FCO acima de R$ 50 mil foram contatados para conhecer os benefícios da linha de financiamento. A demanda do setor empresarial segue boa, mas abaixo do ritmo do segundo semestre de 2019.

“Além de aquecer a economia na região, os recursos da linha FCO geram emprego e renda para a população, promovendo o desenvolvimento econômico e social da região Centro-Oeste. As agências do BB estão de portas abertas para receber empreendedores e suas novas propostas de custeio e investimento”, assinala Sandro Jacobsen Grando, superintendente do Banco do Brasil no Mato Grosso do Sul.