FUSÕES E AQUISIÇÕES – DESTAQUES DA SEMANA 28/mai a 03/jun/2018

FUSÕES E AQUISIÇÕES – DESTAQUES DA SEMANA 28/mai a 03/jun/2018

 

 

Captura de Tela 2018-06-08 às 21.50.26NEGÓCIOS DA SEMANA

“Market Movers” – Brasil

  • Hermes Pardini compra laboratório DLE Genética por R$ 68 milhões  – O grupo mineiro de medicina diagnóstica Hermes Pardini fechou nesta tarde a compra de 100% do laboratório carioca DLE Genética Humana e Doenças Raras por R$ 68 milhões. …  30/05/2018

“Market Movers” – Exterior

  • Brink’s compra concorrente Dunbar Armored por US$ 520 milhões  – A Brink’s, companhia americana de segurança patrimonial e transporte de valores, anunciou hoje a compra da concorrente Dunbar Armored por US$ 520 milhões em dinheiro. Em janeiro de 2018, a Brink’s também adquiriu, no Brasil, a Rodoban por US$ 145 milhões. Segundo o presidente, Doug Pertz, as aquisições da Dunbar e Rodoban, juntas, permitirão que seja atingido 85% da meta de US$ 800 milhões em investimentos no mundo em 2018 e 2019. 30/05/2018
  • DHL fortalece presença na América Latina adquirindo a companhia Suppla, na Colômbia – Aquisição permitirá à DHL Supply Chain conquistar espaço na Colômbia – país com crescente classificação de competitividade e um ambiente favorável para investimentos estrangeiros

HUMORES & RUMORES

M & A – VENDA

  • Futurama procura investidor para solucionar problemas – Faturamento que já foi de R$ 26 milhões/mês hoje não passa de R$ 5 milhões/mês. Tradicional rede de supermercados da capital paulista, o Futurama passa por grave crise financeira. Nas seis lojas ainda em funcionamento, o cenário é de diversas gôndolas vazias e poucos clientes circulando pelos corredores. Boa parte das dificuldades é resultado de problemas na Justiça. Sob acusação de não pagar impostos, o Futurama sofreu bloqueio de parte do faturamento e penhora de recursos em conta bancária. Somente os processos iniciados pela União ou pelo Estado de São Paulo chegam a pelo menos 500 milhões de reais. Sem capital de giro disponível, a rede não tem conseguido pagar fornecedores e aluguéis. Somente os funcionários seguem recebendo em dia. A rede que, no passado, registrava faturamento de R$ 26 milhões mensais, hoje, segundo seus advogados, fatura em torno de R$ 5 milhões por mês. E os mais de 1.000 funcionários agora não passam de 580 colaboradores. Para sair do vermelho, o Futurama precisa de um investidor externo. “A recuperação é factível, mas precisamos de um parceiro financeiro para ontem”, resume Othon Beserra, advogado da rede. 28/05/2018

M & A – COMPRA

  • Enel supera Neoenergia e oferece R$ 7,6 bi por Eletropaulo – A Enel apresentou nesta quarta-feira a maior proposta para adquirir a Eletropaulo , superando a rival Neoenergia , da espanhola Iberdrola , em um negócio orçado em cerca de 7,6 bilhões de reais pela compra da maior distribuidora de energia do país em faturamento. De acordo com comunicados divulgados pelas empresas e pela bolsa B3, a Enel ofereceu 45,22 reais por ação da Eletropaulo, enquanto a Neoenergia se dispôs a pagar 39,53 reais. Antes da disputa, a Enel havia apresentado 32,20 reais e a Neoenegia, 32,10 reais por papel. Após o anúncio desta quarta-feira, está marcado para a próxima segunda-feira um leilão em que a melhor oferta, ou seja, a da Enel, será levada para decisão dos acionistas da companhia. O Conselho de Administração da Eletropaulo já recomendou aos acionistas que aceitem a oferta mais elevada, segundo ata de reunião do colegiado divulgada pela empresa. 30/05/2018
  • Engie Brasil pode adiar para 2019 compra de fatia em Jirau junto à controladora – A elétrica Engie Brasil Energia pode deixar para o ano que vem a aquisição de uma fatia na hidrelétrica de Jirau detida por sua controladora, a francesa Engie, disse nesta quarta-feira o presidente da companhia, Mauricio Bahr. O negócio está no radar da empresa há anos e faz parte de uma estratégia adotada pela Engie para projetos de grande porte no Brasil, segundo a qual os ativos são transferidos para o portfólio da …  30/05/2018
  • Seaborn aposta em fusões e aquisições para crescer – Operadora do cabo submarino Seabras-1 mira ativos no Brasil e em outros países para acelerar expansão. A operadora de cabos submarinos Seaborn Networks planeja expandir os negócios em terra. A empresa, que é financiada por fundos e investimentos, estuda fusões e a aquisições de ativos, especialmente redes ópticas, nos países em que tem atuação. “O plano é alcançar um crescimento tanto orgânico, quanto por fusões e aquisições nos próximos dois anos”, diz o CEO da empresa, Larry Schwartz. Ele admite estar atento a ativos disponíveis aqui no Brasil. Quanto, exatamente, poderá lançar mão para os negócios, e quais os alvos prioritários, ele não revela.
  • Falta de investimento e gestão enfraquecida impulsionam fusões e aquisições na Saúde – Nos últimos dois anos, o United Health Group adquiriu seis hospitais no Brasil. Em 2016 foram Hospital Samaritano (SP), Hospital Santa Helena (SP), Hospital de Clínicas de Jacarepaguá (RJ), Hospital Pan Americano (RJ) e Hospital Santa Joana Recife (PE). No ano passado, o Hospital Ana Costa (SP). E o Fleury consolidou a aquisição do Instituto de Radiologia de Natal na casa dos R$ 90 milhões. Apresentando essas e outras informações de fusões e aquisições no segmento da saúde, o diretor de Saúde da Delloitte, Luis Fernando Joaquim, explicou os movimentos desse mercado no país, em sua apresentação no painel “Os Avanços e Oportunidades de Fusões e Aquisições que movimentam o setor de Saúde”, nesta terça-feira, 22) no I Congresso de Saúde Suplementar, evento organizado pela TM Jobs na Hospitalar 2018. 30/05/2018

IPO

  • Cinco bancos coordenam IPO da Banrisul Cartões  – Os bancos BTG Pactual, Bank of America Merrill Lynch, Credit Suisse, Morgan Stanley, Brasil Plural e Banrisul são os coordenadores da oferta pública inicial de ações (IPO) da Banrisul Cartões, subsidiária do banco estadual do Rio Grande do Sul. A empresa é a maior adquirente do setor de cartões de pagamento do Rio Grande do Sul, com volume financeiro de transações de R$ 22 bilhões em 2017 e participação de 30% do mercado.. 27/05/2018

RELAÇÃO DAS TRANSAÇÕES

  • Oncoclínicas do Brasi anunciou que recebeu investimento de capital para expansão de suas atividades por parte do Goldman Sachs Group – A Oncoclínicas do Brasil Serviços Médicos S.A. (“Grupo Oncoclínicas”), maior grupo privado de tratamento oncológico do Brasil anunciou hoje que recebeu um expressivo investimento de capital para expansão de suas atividades por parte da Divisão de Merchant Banking do Goldman Sachs Group, Inc. (“GS MBD”) e do Principia Capital Partners. Acionista do Grupo Oncoclínicas desde 2015, o GS MBD está realizando a maior parte do aumento de capital com o objetivo de apoiar o crescimento da companhia e continuar investindo nas mais avançadas tecnologias no tratamento ao câncer. Como parte da operação, o GS MBD passará a ser o acionista majoritário do Grupo Oncoclínicas.  26/03/2018
  • Bossa Nova investe na SmartHint -A Bossa Nova Investimentos, investidora de venture capital brasileira, que atualmente possui 340 empresas em seu portfólio, escolheu a SmartHint, startup curitibana que atua com foco em aumentar a taxa de conversão no varejo de pequeno e médio porte. Presente em cinco países da América do Sul, a SmartHint é um sistema SaaS (Software as a Service) de recomendação inteligente de produtos e retenção de clientes. Segundo João Kepler, partner da Bossa Nova Investimentos, a expectativa da empresa e chegar ao final de 2018 com 450 startups investidas. “Temos muito interesse em auxiliar empesas que estão ampliando os horizontes para novos mercados e assim contribuindo para o ecossistema”, explica. 28/05/2018
  • UBM e Hospitalar reforçam seu portfólio com aquisição da Live Healthcare – Com essa aquisição a UBM reforça a sua presença e liderança na área de eventos no setor da saúde. A UBM Brazil anuncia a aquisição da Live Healthcare, plataforma que conecta lideranças da área da saúde para inspirar mudanças e empoderar líderes para o desenvolvimento do setor. Com uma tradição de 25 anos, compõe em seu portfólio os eventos SBF – Saúde Business Fórum e HIS – Healthcare Innovation Show, além do portal SaudeBusiness.com, referência de atualização e educação para mais de 2 milhões de gestores e profissionais de saúde. A empresa é muito conhecida também pela revista Fornecedores Hospitalares. Juntamente com a Hospitalar, principal evento dedicado ao setor de saúde nas Américas, SBF, HIS e SaudeBusiness.com passarão a compor a unidade de negócios Heathcare da UBM Brazil. Com essa aquisição a UBM reforça a sua presença e liderança na área de eventos no setor da saúde e seu posicionamento estratégico no setor, confirmando o seu compromisso de longo prazo com o mercado brasileiro de geração de negócios, conhecimento e relacionamentos especializados e de alto nível. 22/05/2018
  • Hermes Pardini compra laboratório DLE Genética por R$ 68 milhões  – O grupo mineiro de medicina diagnóstica Hermes Pardini fechou nesta tarde a compra de 100% do laboratório carioca DLE Genética Humana e Doenças Raras por R$ 68 milhões. Esse valor pode ter um acréscimo de R$ 12 milhões a depender de metas de faturamento estabelecidas para a DLE neste ano. Em 2017, esse laboratório registrou uma receita bruta de R$ 22,5 milhões. O ativo será pago da seguinte forma: R$ 17 milhões à vista, outros R$ 17 milhões daqui 12 meses e R$ 34 milhões em dois anos. Desta quantia, R$ 1,4 milhão…  30/05/2018
  • UM Investimentos fecha compra da Bridge Trust – A corretora UM Investimentos fechou a compra da administradora e gestora de fundos Bridge Trust. A empresa pertencia a Zeca Oliveira, investigado pela Polícia Federal por suspeita de fraudes na aplicação de recursos de Institutos de Previdência Municipais (RPPS)  e fundos de pensão. O valor do negócio não foi revelado. ..  30/05/2018
  • RHMed, do fundo Axxon, faz primeira aquisição  – A RHMed – empresa de saúde ocupacional controlada desde 2013 pela gestora de private equity Axxon – vai investir aproximadamente R$ 80 milhões em crescimento orgânico e aquisições nos próximos três anos.  O valor atribuído a 100% do capital social da RH Vida é de R$ 24 milhões, a serem pagos em 2 parcelas após a assinatura definitiva dos contratos. A consumação da operação ora descrita está sujeita ao cumprimento de determinadas condições precedentes, incluindo a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica.  Com foco na gestão da Medicina e Segurança do Trabalho, as atividades da RH Vida registraram, no ano de 2017, uma receita líquida de R$ 43,3 milhões, representando 0,8% da receita líquida consolidada da Companhia. 29/05/2018
  • DiferenTI, InfraTI, N&DC e Vortex TI unem forças e lançam empresa para mercado de Saúde – A Itvisor surgiu após alguns encontros em 2017 entre quatro empresas de tecnologia com muita sinergia e anos de experiência no mercado, de forma a aproveitar as competências e disposição geográfica completares de cada uma. A DiferenTI focada no atendimento das regiões Norte e Nordeste, a InfraTI atendendo a região Sul, a N&DC na região Sudeste com foco em soluções e serviços e a Vortex TI atendendo todo o Brasil com soluções de Datacenter. “Com toda essa abrangência, era hora de montar algo novo para o segmento de saúde, ou seja, uma empresa capaz de entender e atender os gestores do setor em sua jornada digital, provendo serviços e soluções relevantes com agilidade e precisão rumo à excelência, melhorando a segurança e a experiência das pessoas”, afirma Renato Lovisi, CEO da Itvisor.” 29/05/2018
  • Chinesa CGGC compra direitos de consórcio construtor de sistema de água São Lourenço, em SP – A construtora chinesa CGGC fechou acordo para comprar 100 por cento da empresa encarregada pela manutenção do sistema paulista produtor de água São Lourenço, um dos principais empreendimentos do governo do Estado de São Paulo para garantir segurança hídrica na região metropolitana do Estado.O valor da operação não foi revelado. O sistema São Lourenço é operado pela companhia estadual de água e saneamento Sabesp e o contrato de 25 anos de concessão foi assinado em 2013 pelo consórcio formado pelos grupos Andrade Gutierrez e Camargo Corrêa, envolvidos nas investigações da operação Lava Jato. A construção começou em 2014 e foi concluída em março deste ano, informou a Sabesp. A obra demandou investimentos de 2,2 bilhões de reais e consiste em tubulação que interliga a represa Cachoeira do França, em Ibiúna, a uma estação de tratamento de água situada a cerca de 80 quilômetros de distância. 19/05/2018
  • Fundo Geribá compra Polo Films – Unigel deixa transformação de plástico com venda da produtora de BOPP . Em tupi-guarani, geribá significa coqueiro e, nos guias de turismo, badalada praia do balneário de Búzios. Fica a cargo do leitor as ilações entre as duas definições e uma transação transcorrida sem estardalhaço num nicho-chave de flexíveis no Brasil: o fundo privado Geribá Investimentos comprou da Unigel a transformadora Polo Films, estrela guia nacional em polipropileno biorientado (BOPP). Com essa aquisição, oficializada em novembro último, a Unigel ratificou sua estratégia de desvencilhar-se de negócios fora de sua vocação e não integrados em sua cadeia de matérias-primas para saldar seus compromissos financeiros.  28/05/2018
  • GuardeAqui fecha compra da Selfstock – A GuardeAqui – principal empresa do segmento de locação de espaços para armazenagem (“self storage”) – fechou a terceira aquisição de concorrente desde que iniciou suas operações. Após dois anos de negociação, a empresa comprou a Selfstock, detentora de uma unidade em operação, localizada em Brasília. O preço da aquisição não foi divulgado, mas o Valor apurou que foi pago um prêmio em relação ao investimento em uma unidade nova, que fica na faixa de R$ 20 milhões a R$ 25 milhões. A GuardeAqui tem a Equity International, do megainvestidor Sam Zell, e a Pátria Investimentos como sócios..28/05/2018
  • Humberg, pioneiro de internet, investe na criação da Keycash  – O mercado imobiliário é a nova aposta de Paulo Humberg, um dos pioneiros da internet no Brasil. Humberg e os sócios Clarissa Vieira, Caio Sarhan e Rogério Santos captaram US$ 10 milhões para a criação da empresa Keycash, de compra e venda de apartamentos usados, com o suporte de algoritmo que encurta etapas do processo. “É um modelo novo que muda a forma de vender imóveis”, afirmou Humberg….  28/05/2018