FUSÕES E AQUISIÇÕES – DESTAQUES DA SEMANA 02 a 08/abr/2018

FUSÕES E AQUISIÇÕES – DESTAQUES DA SEMANA 02 a 08/abr/2018

 

Captura de Tela 2018-04-11 às 22.59.44Divulgadas 9 operações de Fusões e Aquisições com destaque pela imprensa na semana de 02 a 08/abr/2018.  Envolvem direta ou indiretamente empresas brasileiras de 4 setores.

 

 

NEGÓCIOS DA SEMANA

“Market Movers” – Brasil

  • Linx compra Único Sistemas e Consultoria em acordo de até R$25 milhões – A produtora de software para varejo Linx anunciou nesta terça-feira a compra da Único Sistemas e Consultoria em acordo de até 25 milhões de reais para ampliar oferta de produtos de relacionamento com clientes. 03/04/2018

“Market Movers” – Exterior

  • GE venderá ativos de TI de saúde por US$ 1,05 bilhão – Após assumir o comando, no ano passado, o CEO prometeu abandonar negócios como iluminação e locomotivas para tentar simplificar a companhia, que passa por dificuldades. A complexidade, disse ele, era a raiz de muitos dos problemas da GE. Ele começou a cumprir a promessa na segunda-feira, quando uma das maiores divisões da empresa, a GE Healthcare, anunciou a venda de três empresas de tecnologia da informação para a firma de private equity Veritas Capital. A transação de US$ 1,05 bilhão em dinheiro deve ser concluída no terceiro trimestre, informaram as empresas. 03/04/2018

HUMORES & RUMORES

M & A – VENDA

  • Petrobras põe mais três ativos à venda – A Petrobras pisou no acelerador e colocou à venda mais três ativos de seu portfólio de campos marítimos. Com uma meta de desinvestimentos de US$ 21 bilhões, para o biênio 2017/2018, a companhia cumpriu, até o momento, cerca de 20% do plano traçado e promete acelerar as negociações nos próximos meses. A empresa abriu a concorrência para venda da totalidade do campo de Baúna, que produz em águas rasas da Bacia de Santos; e de 50% de Tartaruga Verde e do módulo 3 de produção de Espadarte, ambos localizados em águas profundas da Bacia de Campos e que devem entrar em operação em 2018 e 2021, respectivamente. 04/04/2018
  • Applebee’s busca investidor no Brasil – A rede de restaurantes Applebee’s contratou a consultoria financeira EXM Partners para encontrar um sócio investidor para operação brasileira, segundo fontes. Dois fundos de private equity iniciaram conversas com a empresa sobre potencial investimento em março. A responsável pela operação é a master franqueada APB Comércio de Alimentos, que tem sete restaurantes em São Paulo e quer investidores para ampliar a rede no Estado e potencialmente em outras regiões e investir em marketing. Outro master franqueado é responsável pela operação no Rio Grande do Sul, que não entrará na negociação.04/04/2018
  • Esquenta a disputa pela Lwarcel, de celulose, avaliada em até R$ 1,8 bilhão – Depois da união entre a Suzano e Fibria, que criou a maior companhia de celulose do mundo, outro importante negócio do setor está próximo de ser fechado. As conversas para a venda da Lwarcel, do grupo Lwart, estão avançadas, apurou o ‘Estado’ com duas fontes a par do assunto. O valor da operação, que pertence à família Trecenti e tem sede em Lençóis Paulista (SP), é estimado entre R$ 1,5 bilhão e R$ 1,8 bilhão. Com a saída da disputa da família Feffer, dona da Suzano, que até então era tida como a favorita a levar o negócio, a chilena Arauco, a portuguesa Altri e a asiática April são apontadas como as principais interessadas. A espanhola Ence também estaria de olho no ativo, segundo uma outra fonte. A transação deverá ser concluída ainda no primeiro semestre. 03/04/2018

M & A – COMPRA

  • Energisa faz oferta de R$3,24 bi para comprar a Eletropaulo – A operação prevê um aumento de capital de 1 bilhão de reais na distribuidora paulista de eletricidade. A companhia de energia elétrica Energisa anunciou nesta quinta-feira oferta para comprar a Eletropaulo, com preço por ação de 19,38 reais. Segundo a Energisa, a compra da totalidade da Eletropaulo vai envolver desembolso máximo de 3,24 bilhões de reais. A Energisa afirmou que contratou linha de crédito de junto ao Citibank para financiar a oferta. A operação prevê um aumento de capital de 1 bilhão de reais na distribuidora paulista de eletricidade.06/04/2018
  • Votorantim mira investimentos em infraestrutura e propriedades, diz presidente – O grupo Votorantim, um dos maiores conglomerados industrias do país, está buscando diversificar seus investimentos para novas áreas, como infraestrutura e propriedades comerciais, disse nesta quarta-feira o presidente-executivo, João Miranda. Após a venda parcial da produtora de celulose Fibria à Suzano Papel e Celulose em março, o grupo Votorantim busca ativos menos voláteis para garantir um fluxo mais estável de dividendos para seu acionista controlador, a bilionária família Ermírio de Moraes. 04/04/2018
  • Com fundos, GPS acelera aquisições – Ganhar escala discretamente com a aquisição de pequenas e médias empresas nas áreas de limpeza, segurança, logística interna, engenharia e refeições coletivas. Esta tem sido a estratégia do Grupo GPS, que no ano passado teve receita líquida de R$ 2,4 bilhões e prevê chegar a R$ 3 bilhões em 2018. O plano é comprar ao menos duas concorrentes por ano, sempre com recursos próprios. Nos últimos 12 anos, a companhia desembolsou R$ 530 milhões em aquisições. O movimento mais ousado ocorreu no ano passado, quando foram comprados quatro empresas, entre elas a Graber, que correspondia a 40% do tamanho do próprio GPS, e a LC Restaurantes. Com esta, o GPS entrou no mercado de refeições coletivas.02/04/2018

PRVATE EQUITY

  • Plataforma de investimento em startups levanta R$ 1 mi em 15 horas – A efervescência em torno das startups fez a Kria, plataforma de investimentos do tipo crowdfunding, arrecadar R$ 1 milhão em apenas 15 horas na terceira rodada de captação aberta ao público, no final de março. A plataforma de crowdfunding já levantou, em menos de quatro anos, R$ 16 milhões para 50 empresas, sendo 10 voltadas para negócios de impacto social. O retorno acumulado para os investidores que entraram na primeira rodada tem sido de 37% ao ano.  04/04/2018

IPO

  • UOL deve fazer IPO de outras unidades  – Após a bem-sucedida abertura de capital de sua unidade de pagamentos on-line PagSeguro, o UOL se movimenta para negociar outras empresas, seja pela venda ou negociação de ações em bolsa. Há planos para abrir o capital da UOL Edtech, braço de educação a distância do grupo. A estratégia do UOL é curiosa: em 2005, ingressou na bolsa e seis anos depois recomprou as ações e saiu do pregão. Agora, está retornando por meio de suas principais unidades. . 04/04/2018
  • Bradesco espera no mínimo R$ 25 bi em oferta de ações em 2018 – A depender do resultado das eleições, volume pode chegar a R$ 40 bilhões. A área de banco de investimento do Bradesco espera que, mesmo com as eleições, as ofertas de ações cheguem nesse ano a no mínimo R$ 25 bilhões. A depender da evolução da disputa eleitoral, esse número pode crescer, chegando a R$ 40 bilhões e se igualando ao resultado do ano passado.  O ano de 2018 deve ser comparado com outros anos eleitorais, que têm uma atividade mais baixa. Vamos ver uma antecipação para o primeiro semestre, mas pode encostar no valor registrado ano passado a depender das eleições — disse Leandro Miranda, diretor do Bradesco BBI , durante conferência da instituição realizada para investidores.03/04/2018

RELAÇÃO DAS TRANSAÇÕES

  • Aegea compra a Sagua, SPE prestadora de serviço de esgoto em Guarulhos – A Aegea Saneamento e Participações fechou o contrato de compra de 100% do capital social da Sagua – Soluções Ambientais de Guarulhos, sociedade de propósito específico criada para prestar serviços de esgotamento sanitário na área urbana do município situado na Grande São Paulo por meio de contrato de Parceria Público Privada (PPP) firmado com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Guarulhos (SAAE). A empresa não divulgou o valor da aquisição, em fato relevante distribuído há pouco. 05/04/2018
  • Com R$ 355 milhões, Advent eleva mais uma vez sua fatia na Estácio – A gestora de private equity Advent aumentou sua participação no grupo Estácio de 10,48% para 13,5%, desembolsando cerca de R$ 355 milhões. É a terceira vez desde o ano passado que a  Advent eleva sua posição no segundo maior grupo de ensino superior privado do país, se consolidando como sua maior acionista. … 04/04/2018
  • Burger King Brasil compra totalidade das ações de emissão das franqueadas – A Burger King (BOV:BKBR3) Brasil informou na noite de segunda-feira, por meio de fato relevante, a conclusão da compra da totalidade das ações de emissão das franqueadas. O contrato de compra e venda dos papéis foi celebrado anteriormente ao registro da empresa como companhia aberta e à realização da oferta inicial de ações. De acordo com a rede de fast-food, o valor da aquisição é de aproximadamente R$ 393,1 milhões, valor que está sujeito a ajustes a depender da confirmação dos valores de dívida líquida, capital de giro e EBITDA das Franqueadas, o que ocorrerá até 1° de junho de 2018. A companhia informa que a aquisição reforça o posicionamento no mercado de fast-food no Brasil ao assumir diretamente a operação de mais de 51 restaurantes e 20 quiosques da marca localizados nos estados do Paraná, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.03/04/2018
  • Linx compra Único Sistemas e Consultoria em acordo de até R$25 milhões – A produtora de software para varejo Linx anunciou nesta terça-feira a compra da Único Sistemas e Consultoria em acordo de até 25 milhões de reais para ampliar oferta de produtos de relacionamento com clientes. O valor da aquisição envolve uma parcela de 16 milhões de reais à vista. O restante ficará vinculado ao cumprimento de metas financeiras e operacionais entre 2018 e 2020.03/04/2018
  • ContaAzul levanta R$ 100 milhões – A ContaAzul, empresa catarinense que oferece uma plataforma de gestão nuvem para pequenas empresas, captou cerca de R$ 100 milhões em uma nova rodada de investimentos liderada pela Tiger Global Management, companhia sediada em Nova Iorque. Com a transação, a Tiger Global, que fez seu primeiro investimento na ContaAzul em 2015 com uma rodada na faixa dos R$ 20 milhões, está ampliando sua participação na empresa. A rodada é classificada como Série D e representa o maior investimento já recebido pela ContaAzul. O fundo Endeavor Catalyst, que apoia exclusivamente empreendedores da rede global Endeavor, também participou da rodada. 03/04/2018
  • Dinamo Networks recebe investimento da Soluti – Negócio envolveu investimento de R$3 milhões com foco no aumento da comercialização do cofre digital portátil Dinamo Pocket, primeiro para a guarda segura de certificados. A DINAMO Networks, especialista em criptografia digital e segurança da informação, recebeu investimento da Soluti, empresa especialista em Identidade Digital, em forma de aquisição de 10% de suas ações. 28/03/2018
  • Plataforma digital do agronegócio capta US$ 6 milhões – A Agrofy, plataforma digital do agronegócio com sede em Rosário, na Argentina, concluiu na semana passada uma captação de US$ 6 milhões. Participaram da rodada de investimentos, liderada pela SP Ventures, os braços de corporate venture da Syngenta, Bunge, .. 02/04/2018
  • FinanZero recebe aporte de R$ 12 milhões e aposta na liderança como Marketplace de Crédito no Brasil – A Fintech recebe uma segunda rodada de investimento e anuncia ampliações em áreas estratégicas como marketing, vendas e tecnologia. A FinanZero, fintech de capital sueco que opera como correspondente bancário online para negociar empréstimos junto a instituições financeiras, acaba de anunciar que recebeu um novo aporte financeiro, desta vez no valor de R$ 12 milhões. A rodada “Series A” foi liderada pelo fundo sueco Vostok Emerging Finance com a participação de outros investidores suecos, incluindo a Webrock Ventures e a Zentro. Com este investimento, a FinanZero cresce de patamar com suas operações no Brasil passando a ampliar sua equipe além de investir no aprimoramento da sua própria plataforma online, garantido uma experiência mais transparente e menos burocrática na contração de empréstimos. 02/04/2018