Warning: Use of undefined constant ‘imagem - assumed '‘imagem' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.4894 36616704 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5029 37570352 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: Use of undefined constant noticias’ - assumed 'noticias’' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.4894 36616704 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5029 37570352 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.4894 36616704 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5029 37570352 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.4894 36616704 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5029 37570352 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106

R$ 2,7 BILHÕES EM LOGÍSTICA

R$ 2,7 BILHÕES EM LOGÍSTICA

 

logistica

 

O Governo do Estado prepara um pacote de investimentos em infraestrutura de aproximadamente R$ 2,7 bilhões para melhorar a logística de Mato Grosso do Sul. O anúncio do investimento foi feito pelo governador Reinaldo Azambuja nesta quarta-feira (20), durante a abertura do Circuito InterCorte em Campo Grande – evento itinerante que debate a cadeia produtiva da carne nos principais polos de produção pecuária do Brasil. Jaime Verruck, secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, acompanhou o governador durante a cerimônia que aconteceu no Centro de Convenções Albano Franco.

Segundo o governador, o programa será lançado nas próximas semanas. Ele adiantou que a intenção é fortalecer os ramais rodoviários, hidroviários e ferroviários de Mato Grosso do Sul. “Vamos melhorar nossa logística para aumentar muito a competitividade dos nossos setores produtivos”, falou.

Durante a abertura do Circuito InterCorte em Campo Grande, Reinaldo ainda salientou ações do Governo do Estado que impactam de forma positiva a produção agropecuária sul-mato-grossense. Entre elas o lançamento do Programa Terra Boa, que promove a recuperação de pastagens degradadas para a produção, e a adesão do Estado ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi), que dá a possibilidade de produtos de Mato Grosso do Sul serem comercializados em todo o País.

Sobre o InterCorte, Reinaldo falou  da importância do evento que debate a cadeia produtiva da carne de ponta a ponta, “fortalecendo o elo do Brasil real, da pecuária, que tem se desenvolvido e feito a economia do País crescer, diferente de outros setores”.

Para o titular da Semade, os três eventos que acontecem paralelamente – InterCorte (conjunto de seminários para discutir o mercado), Beef Week (para fortalecer os pequenos negócios no âmbito do PROPEQ) e pecuária sustentável, contribuem para o adensamento da cadeia produtiva da carne do estado. “O projeto da pecuária Carbono Neutro se propõe a mostrar que o estado tem condições de oferecer carne de qualidade.  Quando olhamos para o mercado exportador, que possui  grandes nichos, MS caminha para o específico da carne de sustentável – hoje esse é o caminho estratégico de Mato Grosso do Sul”, destacou.