Warning: Use of undefined constant ‘imagem - assumed '‘imagem' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5349 36040592 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5502 36983336 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: Use of undefined constant noticias’ - assumed 'noticias’' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5349 36040592 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5502 36983336 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5349 36040592 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5502 36983336 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0001 402304 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0002 403808 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.5349 36040592 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.5502 36983336 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106

Em Dourados Prefeitura disponibiliza certidão online

Em Dourados Prefeitura disponibiliza certidão online

 

central do cidadao

Antes a certidão só era disponibilizada entre 3 e 7 dias. (Foto: Divulgação).

A Prefeita de Dourados disponibilizou a emissão de certidão negativa de tributos municipais de forma on line.

Claudio Mattos, diretor de administração tributária da Secretaria de Fazenda do município, explica que a medida facilita tanto para pessoa física como jurídica, agilizando a emissão do documento.

“Antes a certidão só era disponibilizada entre 3 e 7 dias de solicitada, prejudicando principalmente empresários e profissionais da área contábil, agora sai na hora”, afirma.

Ele cita o caso de empresários que geralmente participam de licitações e necessitam, como documento fundamental, a certidão negativa de tributos. É só entrar no site, no campo específico para esse serviço, digitar o documento pessoal solicitado e, em questão de segundos, não havendo qualquer restrição, a certidão será emitida.

Além de agilizar também os serviços de profissionais da área de contabilidade, que diariamente solicitam essa prova de não existência de débitos junto a prefeitura, atende também o cidadão que geralmente utiliza esse documento em diversas operações. “O benefício é grande para quem necessitar dessa certidão”, destaca Cláudio.

O secretário de Fazenda João Fava Neto disse que a prefeita Délia Razuk, através desse benefício, que facilitar a vida das pessoas. “Através desse sistema a gente poupa tempo do cidadão e evita sua locomoção até a prefeitura pedir ou pegar o documento. Nosso objetivo apresentar um serviço de qualidade, mas acima de tudo, sem burocracia”, ressaltou Fava.