Warning: Use of undefined constant ‘imagem - assumed '‘imagem' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0000 401032 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0000 401304 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.3127 8738432 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.3221 9254840 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: Use of undefined constant noticias’ - assumed 'noticias’' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0000 401032 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0000 401304 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.3127 8738432 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.3221 9254840 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0000 401032 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0000 401304 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.3127 8738432 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.3221 9254840 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106 Warning: A non-numeric value encountered in /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php on line 52 Call Stack: 0.0000 401032 1. {main}() /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:0 0.0000 401304 2. require('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/index.php:17 0.3127 8738432 3. require_once('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-blog-header.php:19 0.3221 9254840 4. include('/home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-content/themes/IndicadorEco_2_0/single.php') /home/indicadoreconomico.com.br/public/wp-includes/template-loader.php:106

Obras de Arte com fibra de cana-de-açúcar de Naviraí vão para o Show Rural

 

artes fibra cana

Naviraí retoma projeto de fabricação de peças de artesanato com fibra de cana-de-açúcar. (Foto: Divulgação).

O grupo de mulheres do projeto ArteEnCana de Naviraí participará de hoje, dia 6, a 10 do Show Rural Coopavel, em Cascavel no Paraná, expondo artesanato produzido com a fibra da cana. O projeto é apoiado pela Prefeitura, através da Fundação Cultural.

O Show Rural Coopavel, criado em 1989, é uma feira agropecuária de conhecimento, inovação tecnologia. O produtores rurais conhecem novidades, inovações e tecnologias para o futuro.

Participará do evento, representando o grupo de mulheres do projeto ArteEnCana, a artesã Virginia Moreira de Melo. O prefeito Izauri de Macedo e o gerente de Desenvolvimento Econômico Luiz Henrique de Almeida Bruno participam do evento.

O projeto ArteEnCana oportunizou aos integrantes fonte de renda, melhora da autoestima e troca de experiência, além de solidariedade e boa convivência. As artesãs trabalham com o papel artesanal, fibra de cana e a técnica do papel machê, confeccionando peças artesanais que criam uma identidade do artesanato local.

Para a superintendente da Fundação de Cultura de Naviraí, Caroline Beluque Touro, esta é uma grande oportunidade para apresentar seu trabalho. Ela lembrou que o projeto estava inativo a cerca de dois anos, e que agora foi retomado, o que significa o interesse da atual administração em valorizar os artesãos locais.